APOIO

PUBLICIDADE

Veiculação Prêmio CNHI WEBER SHANDWICK Odebrecht
$('#fade').cycle();
6160

Home >> Perfil

Antônio Abujamra

Antônio Abujamra

Apresentador do Provocações, da TV Cultura, no ar desde o ano 2000. Reconhecido como um dos maiores diretores e atores de nosso teatro

Antônio Abujamra nasceu em 15 de setembro de 1932, em Ourinhos (SP). É formado em Filosofia e Jornalismo na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC/RS). É reconhecido como um dos maiores diretores e atores da dramaturgia brasileira.

Começou no teatro amador, nos anos 1950, na peça Assim é se lhe parece, de Luigi Pirandello, atuando no Teatro Universitário de Porto Alegre. Em 1959, ganhou uma bolsa para estudar literatura em Madri (Espanha). Foi, depois, para Villeurbanne (França), onde trabalhou com Roger Planchon, e, para Paris, para conhecer Jean Villar. Estagiou no Berliner Ensemble, de Bertold Brecht, em Berlim, na então Alemanha Oriental.

Na volta ao Brasil, realizou sua primeira direção profissional – Raízes, de Arnold Wesker – com Cacilda Becker, em 1961. Fundou o grupo Decisão, ao lado de Antônio Ghigonetto e Emílio Di Biasi, com base na técnica brechtiana para o teatro político, que encerrou as atividades com a promulgação do AI5, pela ditadura militar.

Engajou-se no projeto de recuperar o Teatro Brasileiro de Comédia (TBS/SP), nos anos 1980. Acompanhou peças de teatro de diretores do Royal Shakespeare Company, em Stratford-upon-Avon (Inglaterrra). Dirigiu a Companhia Estável de Repertório (CER), do ator Antônio Fagundes. Fez estágio no Circle Repertory Theatre, de Nova York (Estados Unidos), entre 1985 e 1986.

Iniciou, depois, bem sucedida carreira de ator profissional. Estreou no cinema, em 1989, com o filme Festa, de Ugo Giorgetti. Esteve à frente da companhia teatral Os Fodidos Privilegiados, nos anos 1990, fundada para reocupar o Teatro Dulcina (RJ).

Começou a trabalhar com televisão em 1968, na TV Tupi (SP), dirigindo o programa O Estranho Mundo de Zé do Caixão. Dirigiu, na emissora, o musical tropicalista Divino Maravilhoso e, com Fernando Faro, o programa Colagem. Como ator e diretor, esteve diante e atrás das câmeras da TV Globo, TV Cultura, SBT, TV Bandeirantes, TV Record e TV Manchete. Em 1998, participou do júri do Festival Mundial da Televisão, realizado em Monte Carlo, no principado de Mônaco, ao lado de Claudia Cardinale, Annie Girardot e Yehudi Menuhim.

Comanda o programa Provocações, da TV Cultura, desde agosto de 2000. Ao todo, são mais de 550 programas exibidos, com uma lista de mais de mil entrevistados.

Venceu diversos prêmios, em todas as atividades que exerceu. Escreveu cinco peças: Uma Caixa de Outras Coisas (1987), com Consuelo de Castro; Estou Te Escrevendo de Um País Distante (1997), com Felipe Hirsch, baseado em textos de William Shakespeare; O Veneno do Teatro (1998); Louca Turbulência (2000), com José Saffioti Filho, e A Voz do Provocador (2005). É coautor do livro Arena, Oficina, Anchieta e Outros Palcos (Lazuli, 2005).


Atualizado em fevereiro de 2012. Portal dos Jornalistas
Fontes:

Fiat_Institucional
Arama
Curso para Jornalistas
Newswire
OPN Eventos
MT Viagens
Mais Premiados
Comunique-se
Doe Agora (Abrinq)