APOIO

PUBLICIDADE

Odebrecht
$('#fade').cycle();
6160

Home >> Perfil

Cristina Canas

Cristina Canas

Colunista e editora-adjunta da Agência Estado, passou pelo jornal e agência O Globo, Jornal do Brasil e Diário Popular. Venceu o Prêmio Destaque Redação Agência Estado 2012, na categoria Editor de Tempo Real

Ana Cristina da Silva Brandão Canas, que assina Cristina Canas, nasceu em 12 de dezembro de 1966, na cidade do Porto, em Portugal. É bacharel em Jornalismo pela Universidade Metodista de São Paulo (Umesp), em São Bernardo do Campo (SP), e fez pós-graduação com MBA em Finanças – Derivativos pela Fundação Instituto de Administração da Universidade de São Paulo (FIA-USP/SP). 

Começou a carreira, em outubro de 1986, na extinta agência de comunicação Taeta (SP), onde atendia principalmente a conta da American Express, fazendo o jornal dirigido aos funcionários. Passou por outras agências e foi assessora de Imprensa do Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza. Em 1992 foi para o Diário Popular (SP), como editora assistente e repórter, onde participou da criação do projeto do caderno Zona Leste, do qual foi editora-assistente. 

Por um breve período voltou a trabalhar em assessoria de Imprensa, retornando ao Diário Popular, em setembro de 1993, como repórter de Economia. O dia a dia no Dipo incluía o fechamento da coluna diária, em parceria com o editor-responsável, além do fechamento da página. Entre as duas passagens pelo veículo, ficou lá por três anos. 

Em junho de 1995, foi atuar como repórter de finanças da Agência JB/Jornal do Brasil, em São Paulo, passando, em outubro do mesmo ano, a repórter de Finanças da agência O Globo. Migrou, em março de 1998, para o jornal impresso do mesmo grupo. Ao todo ficou quatro anos na organização. 

Entrou para o Grupo Estado em abril de 2000, começando como editora-assistente na Broadcast/AE News. É colunista e editora-adjunta da Agência Estado.

Dividiu o Prêmio Destaque Redação Agência Estado 2012, na categoria Editor de Tempo Real, com Luana Pavani

Em contraponto à correria do Jornalismo, propõe-se a terminar de escrever um livro já iniciado, conforme explicou ao J&Cia em 2005: “Lentamente e sem compromisso com prazo para terminar. Nenhuma perspectiva para publicação também”.


Atualizado em Janeiro/2013 – Portal dos Jornalistas 
Fontes:
Livro Jornalistas Brasileiros - Quem é Quem no Jornalismo de Economia (Mega Brasil/Call Comunicações, 2005)

Fiat_Institucional
Newswire
OPN Eventos
MT Viagens
Mais Premiados
Comunique-se
Doe Agora (Abrinq)