APOIO

PUBLICIDADE

Odebrecht
$('#fade').cycle();
6160

Home >> Perfil

Éder Luiz

Éder Luiz

Locutor esportivo com origem no rádio, começou pela F1 e, depois, partiu para as transmissões de futebol. Trabalhou por algum tempo nos dois veículos, rádio e televisão, sendo locutor oficial da TV Record. Na rádio Transamérica SP narra diversas modalidades e competições como os campeonatos paulista e o Brasileirão, a Sulamericana, a Libertadores, o Mundial de Clubes e a Copa do Mundo de Futebol, além de outros esportes, como as Olimpíadas e a F1.

Éder Luiz de Faria Morbi nasceu em Santa Cruz do Rio Pardo (SP), em 31 de julho de 1963.
 
Começou a carreira no rádio, aos 13 anos, como auxiliar técnico na rádio Difusora de sua cidade. Ainda no interior paulista, trabalhou como locutor esportivo nas rádios Verinha, Clube e Itaipu FM, todas localizadas em Marília. Com a transferência de Jota Júnior da rádio para a TV Bandeirantes, Fiori Gigliotti (1928-2006) convidou Éder para ingressar na equipe da rádio como locutor.
 
Nesse período, a Bandeirantes contava com grandes locutores em seu quadro, o que dificultou a meta de chegar ao futebol. Assim, resolveu seguir o conselho de outro grande narrador esportivo, Darcy Reis (1933-1989), para tentar a Fórmula 1, esporte que lhe permitiu transmitir mais de 170 grandes prêmios, estar presente em um dos dois títulos mundiais de Nelson Piquet (1986) e nos três de Ayrton Senna (1988, 90 e 91) e ganhar destaque.
 
O “Dez do Rádio, apelido que recebeu na Bandeirantes, ainda participou como locutor das Copas do Mundo de 1986, 1990 e 1994, além das Olimpíadas de 1984, 1988 e 1992. Em 1995, recebeu um convite para idealizar e coordenar uma equipe esportiva na rádio Capital, onde permaneceu por cerca de dois anos.
 
Já em 1997 foi para a rádio Band FM para iniciar um novo projeto, o de levar as transmissões esportivas para a frequência FM. Com melhor qualidade de som e de transmissão, além de um toque de bom humor, a emissora conseguiu altos índices de audiência e tornou-se uma das mais ouvidas durante a Copa do Mundo de 1998.
 
Após o sucesso, Éder e equipe saíram da Band FM e foram para a rádio Transamérica, que estava disposta a investir pesado em transmissões esportivas. Na nova emissora trabalhou nas Copas do Mundo de 2002, 2006 e 2010.
 
Começou na tevê em 2003, contratado pela RedeTV!, para transmitir o Campeonato Inglês e a Liga dos Campeões da Europa. Um ano depois, já na TV Bandeirantes, era locutor dos Campeonatos Espanhol e Italiano, além de apresentar o programa Vídeo Gol, idealizado e produzido por ele.
 
Em 2005 foi para a TV Record como principal narrador para transmitir os campeonatos Paulista, Brasileiro, Liga dos Campeões da Europa, Eurocopa e Copa da Uefa, além de outros jogos do futebol internacional. Na Record News foi apresentador do programa Gol Futebol Arte, que abordava as curiosidades do futebol.
 
Em 2009, com o acordo entre a rádio Transamérica FM e a rádio Record AM, passou a dirigir a equipe das duas rádios, além de ser o locutor principal em ambas. Fora das rádios, era o locutor oficial da TV Record – participou da cobertura dos Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro 2011 e participava do programa Esporte Fantástico –, e da RIC Record, afiliada do grupo em Santa Catarina, para a qual narrou o Campeonato Catarinense 2012. Desligou-se da emissora em julho de 2012, às vésperas das Olimpíadas de Londres, evento que a Rede Record conquistara exclusividade de transmissão.
 
Em 2010, recebeu o título de Cidadão Mariliense da Câmara Municipal de Marília, cidade em que se iniciou na locução esportiva. É diretor-presidente da Midiamix, empresa parceira da Rede Transamérica FM na área esportiva.
 
Na rádio Transamérica SP narra diversas modalidades e competições como os campeonatos paulista e o Brasileirão, a Sulamericana, a Libertadores, o Mundial de Clubes e a Copa do Mundo de Futebol, além de outros esportes, como as Olimpíadas e a F1.
 
 

Fiat_Institucional
Newswire
OPN Eventos
MT Viagens
Mais Premiados
Comunique-se
Doe Agora (Abrinq)