APOIO

PUBLICIDADE

Veiculação Prêmio CNHI WEBER SHANDWICK Odebrecht
$('#fade').cycle();
6160

Home >> Perfil

Gugu Liberato

Gugu Liberato

Começou a carreira como assistente de produção no SBT. Depois passou à apresentador na emissora, onde permaneceu por cerca de trinta anos. Em 2009 assinou um contrato com a Record, onde trabalha atualmente

Antônio Augusto de Moraes Liberato, mais conhecido como Gugu, nasceu em São Paulo (SP) no dia 10 de abril de 1959.

Começou sua carreira na televisão quando tinha quatorze anos de idade como assistente de produção do programa Domingo no Parque, programa apresentado por Silvio Santos no SBT.

Chegou a iniciar um curso de Odontologia na cidade de Marília (SP), mas desistiu do curso e foi tentar a carreira de seminarista.  Um depois de entrar no seminário, percebeu possuir talento para comunicação devido a vários elogios que recebia de seus professores padres por sua eloquência ao ler suas redações e fazer apresentações no seminário Sua criatividade e empenho levaram Gugu a deixar o seminário e assumir um posto em frente às câmeras.

Seu primeiro programa foi o Sessão Premiada.  

No ano 1982 Silvio Santos pediu que Nelly Raymond, uma diretora argentina, criasse um programa para os sábados a noite. Era o Viva a Noite, que no início era dividido em várias partes, e apresentado também por outras pessoas. Depois de algumas mudanças de formato, Gugu permaneceu sozinho no comando da atração.

Em 1987 assinou um contrato com a Rede Globo. Porém, Silvio Santos foi pessoalmente à sala do dono da emissora carioca, Roberto Marinho, no jornal O Globo, pedir a liberação do apresentador para permanecer no SBT. Silvio iria se submeter a uma delicada cirurgia e fez uma proposta milionária a Gugu, oferecendo grande parte da programação dominical. O salário do apresentador aumentou em dez vezes, fora os ganhos com publicidade. Gugu estreou nos domingos do SBT em abril de 1988, apresentando os programas: Passa ou Repassa e Cidade Contra Cidade.

Gugu também na carreira musical. Lançou um álbum de músicas infantis nomeado de Gugu Para Crianças, que vendeu mais de 100 mil cópias no Brasil

Mesmo apresentando programas aos domingos, manteve-se à frente de atrações no sábado à noite, principalmente com programas musicais como o Sabadão Sertanejo. O maior sucesso, porém, veio com o Domingo Legal, programa que chegava a passar dos 40 pontos de audiência na década de 1990.

Em  2003, o Domingo Legal foi palco de um grande escândalo do jornalismo nacional ao exibir uma entrevista com dois supostos integrantes da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC). Os dois supostos bandidos fizeram ameaças três apresentadores de programas policiais: José Luiz Datena, Marcelo Rezende e Oscar Roberto Godói.

No dia seguinte, a polícia, o Ministério Público e pediram investigações sobre os supostos integrantes do PCC. Marcelo Rezende foi o primeiro, logo no dia seguinte, a acusar a reportagem de ser forjada. Nos dias seguintes intensifica-se a impressão de que tudo teria sido uma farsa, até que um comunicado do próprio PCC, divulgado pela imprensa na mesma semana, nega ter ameaçado apresentadores e o vice-prefeito, dizendo que os dois homens não eram do grupo. Como consequência, o Domingo Legal  foi tirado do ar durante uma semana pela Justiça.

Em junho de 2009, deixou o SBT e assina um contrato de oito anos com a Rede Record, onde apresenta aos domingos o Programa do Gugu. Também mantém um blog no R7, o portal de notícias da emissora.

 

 

Atualizado em Março de 2012 – Portal dos Jornalistas

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Gugu_Liberato

 

 

Fiat_Institucional
Arama
Curso para Jornalistas
Newswire
OPN Eventos
MT Viagens
Mais Premiados
Comunique-se
Doe Agora (Abrinq)