APOIO

PUBLICIDADE

Odebrecht
$('#fade').cycle();
6160

Home >> Perfil

Heloisa Villela

Heloisa Villela

Correspondente internacional, cobre de Nova York para TV Record e é colunista na nova fase do jornal Brasil Econômico. Durante 17 anos foi da TV Globo.

Heloisa Maria Villela de Castro assina Heloísa Villela, nasceu 15 de janeiro de 1963. Em tantas idas completa, em 2013, 25 anos como correspondente nos Estados Unidos, a maior parte direto de Washington DC.

Trabalhou como correspondente da Rede Globo em Nova York por 17 anos, mas trocou de emissora em abril de 2007, quando foi para a Record.

Cobriu pela Globo em 2004, as eleições dos Estados Unidos direto de Cleveland (Ohio), quando George Bush conseguiu se manter na Casa Branca, na presidência dos Estados Unidos e no cargo mais poderoso da terra, com uma vitória dupla: no voto popular e no colégio eleitoral.

Ainda na Globo entre as coberturas que marcaram o trabalho de Heloisa, está a do furacão Katrina. Na cidade de Nova Orleans, a mais populosa do estado americano da Luisiana, o Katrina chegou com ventos de até 280 quilômetros por hora, em 29 de agosto de 2005. Um dos mais avassaladores da história dos Estados Unidos que destruiu a região metropolitana de Nova Orleans e causou mais de mil mortes. Heloisa Villela e Jorge Pontual, correspondentes nos Estados Unidos, repercutiram a tragédia, levando notícias de Nova York.

Já pelo TV Record cobriu o terremoto do Haiti. Em 2010, em entrevista no blog Viomundo relembrou a cobertura. “Saí de casa, em Washington, às 5 da manhã de quarta-feira, 12 horas depois do terremoto. E sabia que havia destruição. Mas tanto assim, acho que ninguém ainda imaginava... Com a equipe, voei da capital dos Estados Unidos para Santiago, na República Dominicana. Daí, prosseguimos a viagem de carro. Foram sete longas horas, com direito a pneu furado, estradas esburacadas e sem asfalto. Os sinais do terremoto surgiram apenas na entrada da capital Porto Príncipe. Estrada rachada, casas tombadas, prédios destruídos. Mas era apenas o começo”.

Em outras coberturas menos dramáticas, fez parte da equipe da Record, com a estrutura que a emissora montou para a cobertura dos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara 2011 que foram realizados entre 14 a 30 de outubro.

Em janeiro de 2013, Heloísa foi transferida pela Record para NY. Em maio do mesmo ano, entra na nova fase do jornal Brasil Econômico, com o Informe New, quando a redação do Rio deixa de ser sucursal e passa a sede do jornal.

 

Atualizado em maio/2013 – Portal dos Jornalistas

Fontes:

http://www.viomundo.com.br/denuncias/heloisa-villela-um-susto-com-os-precos-no-brasil.html

http://www.patrialatina.com.br/editorias.php?idprog=7ec0dbeee45813422897e04ad8424a5e&cod=5356

http://memoriaglobo.globo.com/Memoriaglobo/0,27723,5273-p-19393-H-A,00.html

http://noticias.r7.com/jornal-da-record/o-programa/

Fiat_Institucional
Newswire
OPN Eventos
MT Viagens
Mais Premiados
Comunique-se
Doe Agora (Abrinq)