APOIO

PUBLICIDADE

Odebrecht
$('#fade').cycle();
6160

Home >> Perfil

José Eduardo Barella

José Eduardo Barella

Gerente de relações com a imprensa, na Telefonica/Vivo, fez a trajetória em veículos de grande porte nas áreas de Política Internacional e Geral, nos diários Jornal da Tarde e O Estado de S.Paulo; e na reportagem da revista Veja.

José Eduardo Barella é bacharel em Jornalismo pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo

Estreou na Editora Abril em agosto de 1986 e nesse período inicial trabalhou no Dedoc, Departamento de Documentação da Abril, e na Abril Press. Na sequência foi para a revista Veja em julho de 1987 onde até agosto de 1989 foi redator na editoria internacional.

Barella entrou na 'internacional' do Jornal da Tarde como subeditor em outubro de 1989. Ficou lá até fevereiro de 1992, quando passou a editor, função que manteve até março de 1995, com a responsabilidade de fazer também a gestão da equipe.

Passou para a 'geral' do JT, editoria em que permaneceu até novembro de 2000, atuando como responsável pela edição, gestão de equipe e de grandes coberturas nas áreas de Administração Municipal, Polícia, Saúde, Urbanismo, Educação, Meio Ambiente, Religião e Sociedade. Entre as principais coberturas que coordenou estão: o escândalo de corrupção no Detran (1999), a máfia dos Fiscais, prefeitura de São Paulo (1998), o acidente da TAM em Congonhas (1996), além da morte dos integrantes da banda Mamonas Assassinas (1996).

Voltou à revista Veja, Editora Abril, como repórter para um novo período de cinco anos e meio, de janeiro de 2001 a junho de 2006, no qual emplacou pelo menos 150 matérias assinadas, nas áreas de Política Internacional e Geral.

Novamente no caminho inverso, assumiu em 2006 a chefia de Reportagem da editoria 'Vida' do Estadão. Ainda em 2006 foi transferido para editoria 'Internacional', atuando como editor até 2010. Retornou à editoria 'Vida', desta vez como editor, onde permaneceu até abril de 2013.

Paralelamente, editou vários cadernos especiais, como Guerras Desconhecidas do Brasil e Meninos do Contestado – reportagens investigativas do repórter Leonencio Nossa e do repórter fotográfico Celso Júnior que receberam vários prêmios e foram finalistas do Prêmio Esso de 2011 e 2012, respectivamente – e o caderno mensal Planeta. Comandou, ainda, a cobertura da Rio+20.

Deixou suas funções no Estadão, no início de abril/2013.

Além de jornalista, José Eduardo Barella é vitorioso também no esporte: treina e participa de corridas de rua há seis anos. Já completou duas São Silvestres, duas meia-maratonas e mais de 30 provas de 10 km.

É gerente de Relações com a Imprensa, na Telefonica/Vivo.

 

 

 

Atualizado em agosto/2013 – Portal dos Jornalistas

Fontes:

Jornalistas&Cia –Edição 894, de 24 a 30 de abril de 2013

http://runforlifenews.blogspot.com.br/2008/01/uma-brisa-de-vero-inesquecvel.html

Fiat_Institucional
Newswire
OPN Eventos
MT Viagens
Mais Premiados
Comunique-se
Doe Agora (Abrinq)