APOIO

PUBLICIDADE

Odebrecht
$('#fade').cycle();
6160

Home >> Perfil

Marcos Troyjo

Marcos Troyjo

Cientista social, escritor e diplomata, assina na Folha de S.Paulo uma coluna sobre política internacional, antes foi colunista do portal iG. Possui doutorado em Sociologia das relações internacionais na USP e pós- doutorado na Universidade de Columbia, em Nova York, onde também é professor-adjunto na mesma matéria e dirige o BRIClab. É professor-conferencista também no Ibmec. Trabalhou por 10 anos como diplomata de carreira e foi secretário de imprensa da Missão do Brasil junto à ONU.

Marcos Prado Troyjo após haver se graduado em Ciência Política pela Escola de Sociologia e Política de São Paulo e Economia na Faculdade de Economia, Finanças e Administração de São Paulo; obteve o grau de Mestre e Doutor e Mestre em Sociologia das Relações Internacionais pela Universidade de São Paulo (USP). É diplomata pelo Instituto Rio Branco, a escola de pós-graduação de relações internacionais e Academia Diplomática do Ministério das Relações Exteriores do Brasil. Foi pesquisador-visitante na Columbia University, Nova York, Estados Unidos e é pesquisador do Centre d´Études sur l´Actuel et le Quotidien (CEAQ) da Universidade Paris-Descartes (Sorbonne). Mora em Nova York e no Rio de Janeiro.

É integrante do Conselho Consultivo do Fórum Econômico Mundial, diretor do BRICLab da Universidade Columbia, fundador do Centro de Diplomacia Empresarial e conselheiro do Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE).

Diplomata de carreira, atuou por 10 anos na representação diplomática, foi secretário de imprensa da Empresa Brasileira de Missão para a Organização das Nações Unidas em Nova York e participou da Delegação do Brasil junto ao Conselho de Segurança da ONU no biênio 1998-99.

Como diplomata, Troyjo foi ainda representante brasileiro em diversas efemérides históricas internacionais como o Centenário de Louis Pasteur (Paris 1994), Centenário da Conferência da Paz (Haia, 1999), Década de Direito Internacional da ONU (Nova York, 1999), Comitê de Reforma da Carta das Nações Unidas (Nova York, 1999). Integrou os programas Leadership for the XXI Century e Global Financial System da Kennedy School of Government, Harvard University.

Marcos é o autor de livros como: Tecnologia & Diplomacia, lançado pela editora Aduaneiras, em 2003), Manifesto da Diplomacia Empresarial, pela Editira Aduaneiras, em 2005 e o livro Nação-Comerciante: Poder e Prosperidade no Século XXI,  de 2007, escolhido pelo Americas Quarterly/ Council of the Americas como um dos melhores novos livros sobre política, economia e negócios no hemisfério, em 2007. Na obra Troyjo traça uma história da chamada “Nova Economia” e do papel que coube ao Brasil neste processo.

Ele tem sido um orador convidado em instituições de renome mundial, tais como a Universidade de Harvard, Yale University, University of Washington, Columbia University, MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts), Tsinghua University (China), IE-Instituto de Empresa (Espanha), Nova Escola de Economia (Rússia), IVA-A Academia Real de Ciências da Engenharia (Suécia), ICRIER-indiano Conselho de Pesquisa sobre Relações Econômicas Internacionais (Índia), Hitotsubashi University (Japão), Keio University (Japão), Canon Instituto de Estudos Globais ( Japão), da Universidade de Auckland (Nova Zelândia), Canning House (Reino Unido) e do Conselho de Relações Exteriores.

Integra a equipe de professores do MBA em Comércio Internacional da USP, em que leciona o módulo Diplomacia Empresarial, e do curso de Relações Internacionais da Fundação Armando Álvares Penteado.

Recebeu a Medalha de Honra-2000 pela Sociedade de Língua Portuguesa da Organização das Nações Unidas (ONU) e os Prêmios Leadership for Social Development - 2001 da Brazil Foundation de Nova York e The Outstanding Young Person - 2003 da Câmara Júnior do Brasil.

Em 20 de setembro de 2010 a Academia Paulista de História elegeu Marcos Troyjo para ocupar sua cadeira de número 35; imortal, cujo antecessor foi o jurista Miguel Reale, e tem por patrono José de Alcântara Machado.

Do ponto de vista da produção cultural, Troyjo liderou série de iniciativas de resgate da memória brasileira e de assuntos de relevo internacional mediante exposições, seminários e suplementos especiais em diferentes publicações no Brasil.

É professor-adjunto em Sociologia das relações internacionais na Universidade de Columbia, em Nova York, e dirige o BRIClab. É professor-conferencista também no Ibmec.

Foi colunista do portal iG em 2000/2001 sobre temas da nova economia. Contribui regularmente com artigos sobre relações internacionais na imprensa. Assina na Folha de S.Paulo uma coluna sobre política internacional.

 

 

Atualizado em abril/2014 – Portal dos Jornalistas

Fontes:

http://www.letraseleituras.com.br/entrevistas/?a=marcos_prado_troyjo;http://www.ibmecsp.edu.br/alumni/pages.php?recid=38  http://www.diplomaciaempresarial.com.br/web/lideres.asp

http://www.imil.org.br/author/marcos-troyjo/

Diretório Faculdade da Universidade de Columbia - http://new.sipa.columbia.edu/faculty/marcos-troyjo

Swiss Revista Estilo, Edição 225, 'Bric por Bric - http://www.swissstyle.com/bric-by-bric

MIT Sloan School of Management - www.mitlac.com

Harvard Kennedy School Biografia Informação - http://www.hks.harvard.edu/about/alumni/online_community/hks-alumni-elections/bio-information

Junior Chamber International - www.jci.cc

Bloomberg - http://www.bloomberglink.com/?s=Troyjo

http://www1.folha.uol.com.br/colunas/marcostroyjo/2014/04/1439033-onda-separatista.shtml

http://diplomaciaempresarial.blogspot.com.br/2009/03/marcos-prado-troyjo.html

Fiat_Institucional
Newswire
OPN Eventos
MT Viagens
Mais Premiados
Comunique-se
Doe Agora (Abrinq)