APOIO

PUBLICIDADE

Veiculação Prêmio CNHI WEBER SHANDWICK Odebrecht
$('#fade').cycle();
6160

Home >> Perfil

Monica de Bolle

Monica de Bolle

PhD em economia pela London School of Economics e Pesquisadora do Peterson Institute for International Economics foi colunista da Folha de S.Paulo até setembro de 2015. É comentarista na rádio CBN e colunista do Estadão.

Monica Baumgarten de Bolle é PhD em Economia pela London School of Economics, com especialização em crises financeiras.

É pesquisadora do Peterson Institute for International Economics e professora da School for Advanced International Studies, Johns Hopkins University. É também especialista em macroeconomia e economia internacional, foi economista do Fundo Monetário Internacional em Washington, D.C. entre 2000 e 2005, tendo participado da reestruturação da dívida soberana do Uruguai e escrito diversas notas técnicas sobre o tema.

No Brasil, Monica é professora licenciada do Departamento de Economia da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ) e foi diretora do Instituto de Estudos em Política Econômica/Casa das Garças (IEPE/CdG).

Macroeconomista, sócia-diretora da Galanto Consultoria, Chefiou a área de Pesquisa Macroeconômica Internacional do Banco BBM de 2005 a 2006.

É coautora de diversos livros sobre economia brasileira com Edmar Bacha e Dionísio Dias Carneiro.

Na Folha de S.Paulo foi colunista no  Monica Baumgarten de Bolle, espaço em que tratou das grandes discussões econômicas internacionais adaptadas ao contexto brasileiro. Escreveu semanalmente às quintas-feiras até setembro de 2015.

Com a tradução de Monica Baumgarten de Bolle, chegou às livrarias em 2014 o best-seller O Capital no Século XXI de Thomas Piketty lançado pela editora Intrínseca. Nenhum livro de economia publicado nos últimos anos foi capaz de provocar o furor internacional causado pelo livro do escritor francês Thomas Piketty. Seu estudo sobre a concentração de riqueza e a evolução da desigualdade ganhou manchetes nos principais jornais do mundo, gerou discussões nas redes sociais e colheu comentários e elogios de diversos.

Analisando a temática, Bolle falou sobre as pessoas que estão fora do mercado de trabalho devido à pobreza, situação que agrava ainda mais o quadro de desigualdades detalhadas Piketty. Ela gravou um comentário com questionamentos:  “Como a pobreza é uma questão de exclusão social, a primeira coisa que devemos perguntar é: o que nosso governo pode fazer para incluir essas pessoas no mercado? Como dar igualdade de trabalho para essas pessoas?”.

Em setembro de 2015 Monica estreou no CBN Brasil, no quadro Economia de quarta, no qual vai discutir com o âncora Carlos Alberto Sardenberg os rumos da crise no país. A emissora comemorou a chegada ela no programa: “Mais uma craque para o time da CBN”.

Mônica de Bolle circula com segurança por um ambiente ainda predominantemente masculino: o pequeno círculo de intelectuais com experiência acadêmica e de mercado e estofo suficiente para discutir os rumos da economia brasileira. Mais do que isso. A economista de 43 anos tem pautado o debate macroeconômico no país ao trazer para o centro das discussões o controverso termo "dominância fiscal", propondo que o Banco Central controle a inflação por meio do câmbio e não mais com elevação da taxa de juro, assegura a reportagem do Zero Hora , em janeiro de 2016, assinada pelo jornalista Cadu Caldas.

Em artigo publicado no site Financista Mônica ressalta o perigo do momento econômico brasileiro que chama de A estupidez mais estúpida levará o Brasil a ter o que até hoje conseguiu evitar: uma crise financeira aguda. No artigo analisa a ideia de Lula “Vamos vender as reservas do País para reduzir a dívida”. Publicado em 15 de março de 2016.

A partir de abril de 2016 ela passou a assinar coluna de Economia no jornal O Estado de S.Paulo.

 

 

Atualizado em abril/2016 – Portal dos Jornalistas

Fontes:

http://economia.estadao.com.br/noticias/geral,estadao-estreia-novos-colunistas,10000023784

http://www.financista.com.br/noticias/monica-de-bolle-a-estupidez-mais-estupida

http://zh.clicrbs.com.br/rs/noticias/noticia/2016/01/monica-de-bolle-o-ganho-de-10-anos-vai-ser-desfeito-em-menos-de-dois-4963517.html

Foto: Aloisio Mauricio/Fotoarena / Fotoarena

http://www.institutomillenium.org.br/author/monica-baumgarten-de-bolle/

http://www1.folha.uol.com.br/colunas/monica-de-bolle/

http://www.intrinseca.com.br/blog/2014/12/a-questao-da-pobreza/

Fiat_Institucional
Arama
Curso para Jornalistas
Newswire
OPN Eventos
MT Viagens
Mais Premiados
Comunique-se
Doe Agora (Abrinq)