APOIO

PUBLICIDADE

Veiculação Prêmio CNHI WEBER SHANDWICK Odebrecht
$('#fade').cycle();
6160

Home >> Perfil

Ricardo Galuppo

Ricardo Galuppo

Toda a sua carreira voltada para economia e negócios com passagens nas revistas Forbes e Exame, a subeditoria de economia da revista Veja. Participou do lançamento do jornal "Brasil Econômico". Foi publisher do veículo até 2013.

Ricardo Galuppo nasceu em Curvelo (MG). É formado em jornalismo pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PucMG).
 
Trabalhou na sucursal mineira da Folha de S.Paulo no fim da década de 80, em um momento que a economia do estado apresentava grande crescimento. Foi nesse contexto que Galuppo se destacou com suas matérias sobre o assunto e se firmou como jornalista econômico.
 
Depois disso, toda a sua carreira foi voltada para economia e negócios. Foi convidado para ser subeditor de economia da revista Veja e também escreveu para a Exame. “Trabalhei de 1989 a 2000 na editora Abril. Depois disso fiquei dez anos fora dos grandes veículos de comunicação, preocupado em desenvolver alguns projetos pessoais”, relembra o jornalista, para o J&Cia, que tem no currículo também uma passagem pela revista Forbes Brasil.
 
Novo convite o trouxe de volta para o jornalismo econômico. Foi quando Alexandra Vasconcellos, juntamente com o grupo português Ongoing decidiram fundar um jornal brasileiro totalmente voltado para finanças e negócios. A Ongoing adquiriu na mesma época o controle do jornal O Dia, do Rio de Janeiro.
 
Assim surgiu o Brasil Econômico em outubro de 2009, ocupando o vácuo deixado pela Gazeta Mercantil, tendo como inspiração o britânico Financial Time. Com Galuppo no cargo de diretor-executivo e de redação, comandando toda a operação editorial do jornal, o grupo e emprestou ao País alguns de seus diretores portugueses, para ajudar no start-up da operação.
 
Em agosto de 2011 a Ejesa, que publica os jornais Brasil Econômico, O Dia, Meia Hora e Marca, fez mudanças no comando editorial e promoveu Ricardo a publisher do título. Para o seu lugar no posto de diretor de redação foi contratado o jornalista Joaquim Castanheira (ex-Editora Três e Brasil 247).
 
Em fevereiro de 2013 a Ejesa anunciou a intenção de mudar a sede do Brasil Econômico para o Rio. No final de fevereiro de 2013 a empresa confirmou a saída do publisher Ricardo Galuppo e de Castanheira. Em março ainda seguiam as incertezas no Brasil Econômico.
 
Galuppo assinou vários livros. Entre eles em março de 2005 o guia O Grande Perdedor – Emagreça com Saúde e alegria, como na TV. O livro foi escrito por Ricardo, teve o professor mestre Mauro Guiselini como responsável técnico. Nele os dois ilustram dicas de alimentação, prática de exercício físico, além de receitas saudáveis e depoimentos de artistas da televisão que emagreceram. Foi lançado pela Dinap (Distribuidora Nacional de Publicações) em parceria da televisão SBT com a academia Runner.
 
Em parceria com a jornalista e escritora Mariella Lazaretti escreveu o best seller Caminhos e escolhas, do empresário Abilio Diniz. Lançado na categoria de biografias e memórias pela editora Campus, em 2004, no livro, mesmo não se tratando de uma autobiografia, o empresário Abílio conta, com fatos, por que e como mudou sua vida.
 
 
Atualizado em março/2013 – Portal dos Jornalistas
 
Fontes:
Jornalistas&Cia – Edição 887

Fiat_Institucional
Arama
Curso para Jornalistas
Newswire
OPN Eventos
MT Viagens
Mais Premiados
Comunique-se
Doe Agora (Abrinq)