APOIO

PUBLICIDADE

Veiculação Prêmio CNHI WEBER SHANDWICK Odebrecht
$('#fade').cycle();
6160

Home >> Perfil

Rodrigo Viana

Rodrigo Viana

Jornalista especializado em futebol, professor universitário e blogueiro mas diz que “queria mesmo é ser jogador de futebol!”. É repórter e editor de esportes no SBT-SP, colunista do Portal Imprensa e professor de pós em jornalismo na FMU, além integrar a Universidade do Futebol e o Memofut - Grupo de Memória e Literatura do Futebol.

Rodrigo Silva Viana é de Araraquara, no interior paulista, e assina Rodrigo Viana. É bacharel em Jornalismo pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp) de Bauru (SP) desde 1993, com Mestrado em Estudos Literários pela mesma instituição com diploma de 2006. Possui ainda especializações em Jornalismo 2.0 para professores pelo Centro Knight de Jornalismo das Américas e em Neurolinguística realizado no Centro de Transformação e Vivências (CTV) de Bauru.

Com 20 anos de carreira, Rodrigo Viana é um ex-jogador da Ferroviária de Araraquara que se tornou jornalista esportivo, professor universitário e blogueiro, com passagens em dezenas de veículos da grande imprensa paulista.

Em 1993 teve uma experiência editorial com a criação do jornal alternativo AraraMatraca, na linha dos alternativos emblemáticos dos períodos de chumbo do Brasil, como O Pasquim, mas considera que o início da carreira no jornalismo foi como repórter do Jornal O Imparcial, na cidade natal.

Na sequência, colaborou com a criação da Rádio Ativa, primeiro veículo alternativo da periferia de Araraquara (SP). Depois, trabalhou em diversas redações entre o interior e a capital paulista e Minas como: TV Modelo, TV Alterosa, TV Clube, EPTV (afiliada da Rede Globo em Campinas), Record, SBT, TV Bandeirantes, TV Cultura, Rede Mulher, Cultura, Folha de S.Paulo e o jornal LANCE!, por onde acumulou experiências como roteirista, repórter, editor, apresentador e comentarista atuando principalmente nos temas de esporte, semiótica, comportamento e interdisciplinaridade.

Em sua trajetória nas décadas de 90 aos anos 2000 - também prestou consultoria e assessoria de marketing esportivos para prefeituras, atletas e clubes; posteriormente, em 2006, passou a acumular as atividades jornalísticas com as da área acadêmica quando iniciou como professor-assistente de Técnica Redacional I no curso de Jornalismo Unesp/Bauru. No mesmo ano foi professor das disciplinas Gestão e Empreendedorismo e Publicidade e Propaganda para os cursos de Letras e Propaganda e Marketing na UNIP/Araraquara.

Em 2008 ingressou como professor titular do Centro de Pós-Graduação das Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU), do curso Latu Senso de especialização em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte, onde permanece acumula aulas nas disciplinas: Jornalismo Esportivo e Comunicação Mercadológica; Assessoria de Imprensa Esportiva; Marketing Esportivo e Negócios do Esporte; Mídia Impressa, Mídia Audiovisual e Novas Tecnologias.

Criou, em 2009, o FutCiência - Grupo de Estudo da Universidade do Futebol, uma plataforma virtual para integrar a comunidade do futebol, que coordena. No período passou também a ser membro do Memofut - Grupo de Memória e Literatura do Futebol.

Na época, expandiu ainda mais o campo de atuação com a criação do Blog do Rodrigo Viana onde passou a publicar seus textos sobre os temas de sua especialidade, além de postar as próprias reportagens veiculadas na grande imprensa. No veículo assinou como cartão de visita: “A bola é redonda, gira...e aqui é o ponto de encontro: jornalistas, artistas, escritores, boêmios, boleiros. Encontremo-nos todos. Nós, os quase-humanos”.

No período foi roteirista do núcleo audiovisual do Instituto de Estudos Avançados da USP de São Carlos (IEA), enquanto foi bolsista CNPQ de Desenvolvimento Tecnológico na Ufscar, junto à Sociedade Brasileira de Física.

Em 2010 ancorou o programa Repórter África, idealizado durante uma Copa do Mundo na TV Brasil (EBC); na emissora também coordenou as transmissões da Copa São Paulo Futebol Júnior e idealizou conteúdos para TV e Web, como o Viva Esportes e o Som da Bola. Ainda para a TV Brasil, criou o núcleo de esportes da emissora na capital paulista.

Em seguida, teve uma passagem pela TV Cultura de SP e foi para o portal da Revista Imprensa onde fez um trabalho que considera fundamental: um guia encartado no miolo da revista impressa de 16 páginas sobre a cobertura midiática da Copa do Mundo da África do Sul 2010; desde então, escreve como colunista esportivo para o Portal Imprensa, ao lado dos jornalistas Gabriel Prioli e José Marques de Melo, diretor da Cátedra Unesco de Comunicação.

Atualmente (2013) é repórter e editor de Esportes do SBT em Osasco (SP), onde permanece desde 2011 atuando em paralelo às atividades como professor e palestrante de jornalismo esportivo. Pelo SBT viajou em 2012 ao Japão para cobrir o título Mundial do time paulistano Corinthians. Um ano depois foi a Bolívia recontar a história da morte do garoto boliviano num jogo da Taça Libertadores da América e, em seguida (em junho), cobriu a Copa das Confederações nas cidades-sede simultaneamente para a TV e seu blog.

E na FMU, onde leciona, participou como palestrante das Oficinas Imprensa de Jornalismo 2013, na categoria Jornalismo Esportivo. Ainda neste ano (2013) deve lançar, em parceria com a Editora Summus, o livro A bola e o verbo, fruto de uma compilação de seu mestrado em literatura, futebol e jornalismo.

 

 

Atualizado em agosto/2013 – Portal dos Jornalistas

Fontes:

http://br.linkedin.com/pub/rodrigo-viana/69/623/25a

https://www.facebook.com/rodrigovianajornalista?fref=ts

www.twitter.com/rodrigovianasbt

www.blogdorodrigoviana.blogspot.com

http://www.ferroviariasa.com.br/ver-colunista/rodrigo-viana

http://portalimprensa.uol.com.br/revista_imprensa/rodrigo+viana/59763/a+bola+e+publica

http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?metodo=apresentar&id=K4234187P8

Com dados informados pelo jornalista em 28/8/2013.

Fiat_Institucional
Arama
Curso para Jornalistas
Newswire
OPN Eventos
MT Viagens
Mais Premiados
Comunique-se
Doe Agora (Abrinq)