APOIO

PUBLICIDADE

Odebrecht
$('#fade').cycle();
6160

Home >> Perfil

Sérgio Costa

Sérgio Costa

O jornalista Sergio Costa morreu aos 55 anos de infarto fulminante em seis de março de 2016, em uma tarde do domingo, em Salvador. Ele era diretor-executivo do jornal Correio desde setembro de 2015; antes, ocupou o cargo de diretor de Redação por seis anos, tinha no currículo prêmios importantes. Durante a trajetória teve passagens por veículos como Folha de S.Paulo (sucursal Rio), O Dia (RJ), as revistas Manchetes e Ele e Ela, da Bloch Editores. Com 34 anos de carreira está no Correio desde 2009, período em que sua equipe conquistou diversos prêmios e foi por seis vezes finalista do Esso.

 

(Natural do Rio de Janeiro (1961)  /  Salvador (BA) em 6 de março de 2016)

 

Sergio Costa era bacharel em Jornalismo pela Eco-UFRJ, Escola de Comunicação da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Formação concluída em 1981 e complementada com várias extensões tanto na área editorial como em gestão administrativa, entre eles, um MBA executivo pela Fundação Dom Cabral. 

Em agosto de 1991 deu início a sua trajetória no jornal O Dia, do Rio de Janeiro, que perduraria por quase 14 anos. Entre várias funções foi diretor do jornal, cargo que manteve até abril de 2005.

Passou a coordenador na Folha de S.Paulo, sucursal Rio, em agosto de 2005. Ficou na Folha até abril de 2009, quando migrou para Rede Bahia, no jornal Correio.

Nesse período de Correio sua equipe já conquistou prêmios como Embratel, SND, INMA, Tim Lopes e esteve seis vezes como finalista do Prêmio Esso.

Após o processo de reposicionamento do jornal baiano, Sérgio assumiu a direção do veículo substituindo Luiz Alberto Albuquerque, responsável pelo relançamento do jornal em 2008.

Como diretor de Redação trouxe para o novo mandato planos de investir na integração de plataformas e ampliar a percepção da marca Correio.  “Antes de ser apenas um jornal, o Correio é uma marca baiana líder em qualquer canal: na circulação, faixas de público, audiência online e nas redes sociais. Essa presença forte precisa ser mais percebida pelo mercado”, frisou ao falar da nova empreitada.

Durante a jornada de 34 anos de carreira, teve passagens também pelas revistas Manchete e Ele&Ela, da Bloch Editores.

O jornalista Sergio Costa, de 55 anos, morreu de infarto fulminante em seis de março de 2016, em uma tarde do domingo, em Salvador. Ele era diretor-executivo do jornal Correio desde setembro de 2015; antes, ocupou o cargo de diretor de Redação por seis anos, tinha no currículo prêmios importantes.. O velório aconteceu de 7h às 11h da segunda-feira (7) no cemitério Jardim da Saudade, no bairro de Brotas. Depois, o corpo foi levado para o Rio de Janeiro, onde foi enterrado. Sergio Costa deixa três filhos e esposa.

O governador da Bahia, Rui Costa, que na ocasião estava na China em viagem oficial, lamentou a morte de Sergio. O prefeito de Salvador, ACM Neto, por meio de uma rede social, também lamentou a morte do jornalista. O presidente da Rede Bahia, ACM Junior, afirmou que Sergio era "competente executivo e jornalista de primeira linha, tinha o respeito e admiração de todos que conviviam com ele".

 

 

 

Atualizado em Março/2016  – Portal dos Jornalistas

Fonte:

http://g1.globo.com/bahia/noticia/2016/03/jornalista-sergio-costa-morre-de-infarto-aos-55-anos-em-salvador.html

 (Foto: Divulgação / Jornal Correio)

https://www.linkedin.com/pub/sergio-costa/45/a53/5b1

http://www.fernandovasconcelos.com/1970/Noticias/TrocaDeComandoNoJornalCorreioDaBahia_252946/

Fiat_Institucional
Newswire
OPN Eventos
MT Viagens
Mais Premiados
Comunique-se
Doe Agora (Abrinq)