APOIO

PUBLICIDADE

Veiculação Prêmio CNHI WEBER SHANDWICK Odebrecht
$('#fade').cycle();
6160

Home >> Perfil

Thales Guaracy

Thales Guaracy

Produtor na Monalisa Associate Producers; fundador, editor e publisher na Copacabana Publishing, atua como freelancer. Tem passagens por Gazeta Mercantil, O Estado de S.Paulo, Playboy, Veja e Exame. Em março de 2015 lançou o livro 'A conquista do Brasil', pela editora Planeta.

Thales Guaracy nasceu em São Paulo SP), em 1964, e se criou na rua dos Estudantes, no bairro da Liberdade, no Centro Velho, entre os imigrantes japoneses, os inferninhos, em um ambiente habitado pela intelectualidade boêmia que enfrentava a recém-instalada ditadura militar. Formado em Jornalismo pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP/SP), em 1985, é ainda bacharel em Sociologia, Antropologia e Política pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (Fflech/ISP/SP).

Como editor sênior da Editora Abril passou pelas editorias das revistas Veja e Exame de negócio. Ficou na Abril de março 1986 a novembro de 1999. Foram 13 anos e nove meses de dedicação. Na Veja foi repórter especial e editor de Assuntos Nacionais. Participou ativamente do período de transição da ditadura militar para o regime democrático, ganhando o Prêmio Esso de Jornalismo Político 1989 pelo trabalho de sua equipe na cobertura da primeira eleição direta para a Presidência do Brasil em 30 anos. Passou pelo Grupo Exame, onde foi editor-executivo. Ainda na mesma função, atuou por seis anos na revista Vip, tendo participado do seu lançamento como revista independente.

Foi diretor editorial de revistas de Estilo de Vida, com abordagens dos temas comida, carro, música teen e os mercados de entretenimento para uma operação de private equity do Fundo Brasil, formada por Chase Capital, GE Capital e outros investidores do mercado de mídia brasileiro. Neste período foi responsável pelo conteúdo e gestão da revista Forbes no Brasil, em uma operação de licenciamento com a Forbes, Inc. A atuação teve início em janeiro de 1999 a setembro de 2001.

Atuou como consultor para o mercado editorial para a IE Discovery Inc no Brasil. Foi responsável pelo desenvolvimento e gestão de conteúdo, vendas, marketing e distribuição de janeiro de 2001 a dezembro de 2003. Coordenou o projeto Autores e Ideias, de debates ao vivo com escritores no auditório da Livraria Saraiva do Shopping Cidade Jardim, em São Paulo, em parceria com a Livraria da Vila, e em 2009 assumiu a Direção Editorial da Saraiva.

Regressou à Abril, pela terceira vez, como diretor da revista Playboy, assumindo o cargo em março de 2013.

Lançou vários livros, a começar por Amor e Tempestade (Objetiva, 2009), no qual descreve a odisseia de um jovem rebelde pelo Brasil cheio de conflitos dos anos 1920 para resgatar o amor paterno, sua paixão de infância e a paz interior.

Como repórter, escreveu O Sonho Brasileiro (A Girafa, 1987) – ganhador do Prêmio Pesquisa de Marketing 86 –, biografia do comandante Rolim Adolfo Amaro, polêmico empresário que transformou a TAM na maior companhia aérea do Brasil, entre os anos 1970 e 2001.

Lançou-se como romancista com Filhos da Terra (Mandarim, 1998), saga da imigração italiana no final do século XIX no interior de São Paulo. Passou ainda pelo universo infantil com Liberdade para Todos (Moderna, 2002), delicadamente Ilustrado para crianças, com a arte de Avelino Guedes. O livro fala da morte de um passarinho e como pais e filhos podem lidar com problemas delicados. Apresentou a reconstituição contemporânea da história bíblica de Moisés em O Homem Que Falava com Deus (Arx, 2002). Refletiu sobre o amadurecimento emocional masculino em cinco contos de amor no título A Quinta Estação (Arx, 2005). Lançou o romance Campo de Estrelas (Globo, 2007), no qual nos lança na luta física e psicológica contra o câncer, um romance-relato contemporâneo sobre o grande desafio humano de dominar o tempo, superar o medo e conquistar a paz. E, em Eles me Disseram (Saraiva, 2008), traça 21 perfis de artistas, políticos, esportistas e empresários que foram premiados justamente por sua capacidade de unir a objetividade, que aponta as realizações e as conquistas, com a subjetividade que revela os valores, as ideias, a luta, e os sentimentos de cada uma desses entrevistados.

Com mais de 200 mil exemplares vendidos, é um dos principais autores contemporâneos do Brasil. Trouxe para a literatura brasileira os grandes épicos, com engenhosa narrativa e um espírito investigador sobre temas universais como a família, o amor e outras questões essenciais da vida humana. Está também entre os autores de ficção mais vendidos do País.

Além de escritor, é produtor na Monalisa Associate Producers; fundador, editor e publisher na Copacabana Publishing; e atua como freelancer.

A editora Copacabana criou em 2014 para a publicação de obras exclusivamente digitais.

Em março de 2015 Thales Guaracy lançou o livro A conquista do Brasil pela editora Planeta.

A obra em que conta a história do Brasil entre 1500 e 1600 chega às livrarias na primeira quinzena de abril. Décima-segunda obra dele, o livro tem apresentação de Laurentino Gomes, autor da trilogia 1808, 1822 e 1889.

Embasado em documentos oficiais, relatos de viajantes e jesuítas, Guaracy decidiu escrever o livro para explicar características da personalidade do brasileiro e seus comportamentos, individuais ou coletivos, transmitidos entre as gerações desde a colonização do País.

Sobre o lançamento da obra Thales deu uma entrevista ao Jornalistas&Cia.

Mantém um blog com informações gerais e da área cultural e editoria.

É filho do jornalista Alípio do Amaral Ferreira e casado com a jornalista Graziela Azevedo.

 

 

Atualizado em abril/2015 – Portal dos Jornalistas

Fontes:

http://www.portaldosjornalistas.com.br/noticias-conteudo.aspx?id=3537

http://www.thalesguaracy.com.br/

Jornalistas&Cia – Edição 883

 

Fiat_Institucional
Arama
Curso para Jornalistas
Newswire
OPN Eventos
MT Viagens
Mais Premiados
Comunique-se
Doe Agora (Abrinq)