APOIO

PUBLICIDADE

Veiculação Prêmio CNHI WEBER SHANDWICK Odebrecht
$('#fade').cycle();
6160

Home >> Perfil

Tiago Leifert

Tiago Leifert

Na TV Globo desde 2004, apresentou os programas Globo Esporte SP, The Voice Brasil e É de Casa. Prepara-se para assumir o comando do Big Brother Brasil. Frequentou, em 2014 e 2015, a lista dos Cem Mais Admirados Jornalistas Brasileiros da J&Cia e Maxpress.

Tiago Rodrigues de Leifert nasceu em São Paulo (SP), no dia 22 de maio de 1980. Formou-se em Telejornalismo e em Psicologia pela Universidade de Miami (EUA), em 2002. Filho do diretor de Relações com o Mercado da Rede Globo Gilberto Leifert, é casado com a jornalista Daiana Garbin.
 
Queria ser jornalista esportivo desde adolescente. Sua primeira experiência profissional foi aos 16 anos, na TV Gazeta (SP), como repórter do programa Desafio ao Galo, tradicional programa de futebol de várzea, durante muitos anos exibido na TV Record (SP). Quando morou em Miami, atuou como trainee da rede NBC (EUA).
 
De volta a São Paulo, em 2004, foi para a TV Vanguarda (SP), afiliada da Rede Globo no Vale do Paraíba, onde trabalhou como editor e apresentador do programa Vanguarda Mix, ao lado de Geovanna Tominaga. Em 2006, passou a frequentar a tela da TV Globo, como apresentador do Pro Rad e de matérias sobre videogames no Esporte Espetacular. Trabalhou também na SporTV, na mesma equipe de Milton Leite. Participou das coberturas do Campeonato Brasileiro de Futebol 2006, dos Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro 2007 e dos Jogos Olímpicos de Pequim 2008.
 
Em janeiro de 2009, passou a ser o novo editor-chefe e apresentador do Globo Esporte em São Paulo. Criou bordões, dispensou o uso do teleprompter, brincou com os atletas e abriu espaço para falar sobre videogames. Irreverente, dinâmico e despojado, ajudou a mudar a cobertura dos esportes na tevê. Durante a Copa do Mundo da África do Sul 2010, apresentou as edições vespertinas e noturnas do programa Central da Copa, transmitidas a partir dos estúdios da emissora no Rio de Janeiro (RJ).
 
A partir de setembro de 2012, dividiu a apresentação do Globo Esporte SP com a do reality show The Voice Brasil, exibido nacionalmente. Em julho de 2015, deixou de vez o programa esportivo para se transferir para o jornalismo de entretenimento da Rede Globo, como um dos apresentadores do É de Casa.
 
Foi confirmado, em setembro de 2016, como substituto de Pedro Bial na apresentação do Big Brother Brasil, a partir de 2017.
 
Venceu já uma série de prêmios importantes, como: o Ford Aceesp em 2009 (na categoria Revelação), 2010 e 2011 (nesses dois anos como Apresentador), conferido pela Associação dos Cronistas Esportivos do Estado de São Paulo; o APCA 2009, da Associação Paulista dos Críticos de Arte, como Melhor Apresentador de Televisão; o Comunique-se 2010, na categoria Jornalista de Esportes/Mídia Eletrônica; e o Melhores do Ano 2011, do programa Domingão do Faustão, na categoria Jornalista.
 
Na sua página no Twitter, o jornalista bateu a marca de 1,2 milhão de seguidores em 2011.
 
Apresentou, em 2013, o documentário E O Mundo Enlouqueceu, sobre a trajetória do Sport Club Corinthians Paulista na Copa Libertadores da América e Copa do Mundo de Clubes da FIFA 2012, lançado diretamente em home video.
 
Foi escolhido em 2014 entre os Cem Mais Admirados Jornalistas Brasileiros ,  na classificação Top 100, em pesquisa realizada pelo Jornalistas&Cia em parceria com a Maxpress. Reeleito em 2015, confirmou a presença entre os 50 Mais Admirados do Brasil
 
 
Atualizado em setembro de 2016
 
Fontes:
Jornalistas&Cia – Edição 1028

Fiat_Institucional
Arama
Curso para Jornalistas
Newswire
OPN Eventos
MT Viagens
Mais Premiados
Comunique-se
Doe Agora (Abrinq)